Beverly Hills California Estados Unidos Hollywood Los Angeles MInhas Viagens Turismo Visitando

Visitando | Los Angeles, Hollywood e região.

Hoje vou contar um pouquinho de como foram minhas viagens por Los Angeles e região. Um local que vai muito além da calçada da fama.

la9 - Visitando | Los Angeles, Hollywood e região.

Esta foi minha segunda passagem por Los Angeles e felizmente muito melhor do que a primeira (em 2009).

A maioria das pessoas que pensam em visitar LA, já imaginam de cara aquele universo de cinema, celebridades e glamour. Mas quase sempre acontece o contrário. A pessoa chega na cidade, vai aos famosos pontos turísticos e às vezes se decepciona a ponto de nunca mais pensar em volta a cidade. Da minha primeira vez fiz exatamente o básico e saí da cidade inconformada. Pesquisei, fiz um novo roteiro e saí de LA amando o local e doida para voltar pra lá mais uma vez e fazer um monte de passeios que não tive tempo (sim, apesar do que muita gente diz por aí, para mim 5 dias na cidade não deram para nada). Coloquei várias fotos aqui.

Chegando no aeroporto LAX, fomos direto para a locadora de veículos pegar nosso carro (A Mobility foi a locadora oficial da nossa viagem pela California). Saímos de lá com uma bela SUV preparada para carregar várias malinhas (afinal, teríamos mais 15 dias de viagem pela frente).

la7 - Visitando | Los Angeles, Hollywood e região.

Já vou começar falando do trânsito de L.A, afinal  é uma das primeiras coisas que você verá por lá. Sou de SP e estou acostumada a pegar todo trânsito do mundo, mas tem horas que L.A. consegue se superar. O congestionamento já começa no aeroporto, que é o quinto mais movimentado do mundo. Foi o único aeroporto que vi uma “filinha” de aviões no ar esperando para descer (e eu odeeeio avião).

Para começo de conversa acho quase impossível ficar na cidade sem alugar um carro (e andar sem gps). As coisas são distantes e nem sempre terá tranporte coletivo de fácil acesso, o que fará você perder um tempo considerável (veja o mapa).

A grande dica é tentar evitar o horário de pico, mas às vezes é impossível. Tente fazer um roteiro do seu dia-a-dia, escolhendo os lugares que vai visitar no google maps. Organize passeios pertos, escolha bem os horários e não esqueça que se tiver horário marcado em algum lugar é melhor sair com bastante antecedência (quase perdemos a gravação de Two and a Half Man por este motivo). Já chegamos a ficar uma hora e meia para andar menos de 10 km.

Quem nunca esteve em LA, vai notar que as grandes rodovias tem uma faixa da direita reservada para carros que tem 2 ou mais pessoas (foto maior acima). Enquanto as outras faixas estão lotadas, a pista para dois facilita bastante a nossa vida.

la1 - Visitando | Los Angeles, Hollywood e região.

As opções de hospedagem por lá são inúmeras e mais caras do que várias cidades dos EUA. Tudo vai depender do quanto você pretende gastar, região que quer ficar e tempo disponível. E detalhe, os estacionamentos são pagos e custam em média 25 dólares a diária.

Da primeira vez que fui, acabei pegando um hotel da rede Radisson, super bonitinho e com preço ótimo em frente o aeroporto. Acontece que era longe de tudo e devido ao trânsito perdemos um tempo absurdo. Se você pretende ficar na cidade apenas para ver os principais pontos turísticos, ir para o centro durante o dia e só voltar a noite pode ser uma opção.

Como desta vez eu queria pegar menos trânsito, ter uma bela paisagem e ficar na região que eu mais tinha gostado, escolhemos um hotel na famosa Rodeo Drive. O Luxe Rodeo Drive Hotel (um dia faço um post detalhado sobre ele) é uma gracinha, infinitamente bem localizado, tem um excelente serviço e valeu todo investimento (que ainda é bem mais barato do que os bons hotéis que temos no Brasil). Como sempre, fiz reserva no Booking, pois saia mais em conta do que no site do hotel.

Além da proximidade do aeroporto, existe opção de ficar em Downtonw L.A ou na região de Hollywood. Mas lembrem-se de saber um pouco sobre a região que pretende se hospedar, pois tem áreas que são perigosas e complicadas para sair durante a noite. Ou ainda bagunçada demais para quem quer um pouco de sossego. Uma boa pesquisa pelos comentários dos hóspedes é sempre bem vinda.

Outra opção é ficar hospedado em Santa Mônica. O clima é super gostoso, tem opções bem mais baratas e interessantes. Mas prepare-se para pegar pelo menos 1 hora de trânsito quando for ao centro e pontos turísticos.

O que fazer…

Ok, você está em Los Angles e quer passear pelo centro de Hollywood, andar pela calçada da fama e conhecer o Chinese Teatre. Então vamos por partes…

Estes pontos ficam na Hollywood Boulevard e arredores e são e cheeeeeio de turistas. Por mais que seja uma região super decadente (sim, fiquei bem decepcionada), claro que vale dar uma passadinha para fazer algumas fotos. Logo que chegar, procure pelo Service Center do complexo, lá atendentes lhe darão mapas e se perguntar por algum museu ou show, sai de lá com cupom de desconto. O Kodak Theatre é bem bonito e atualmente abriga “Iris” de Cirque Du Soleil (existe um passeio guiado pelo teatro onde fotos não são permitidas).

la2 - Visitando | Los Angeles, Hollywood e região.

E é de uma das plataformas do Hollywood & Highland Center, o complexo que fica junto ao teatro, que dá para ver bem distante o famoso letreiro de Hollywood. Lá também tem estacionamento, várias lojinhas, restaurantes e outras atrações (Mas saiba que em dias de céu não tão aberto, fica impossível observar o letreiro deste ponto e vários turístas saem de lá um tanto frustados. Olhe aqui para ver como ficou a minha).

Mas se você assim como eu, ama cinema, pode fazer tours guiados por alguns deles.  Eu fiz os dois tipos disponíveis na Warner (falei aqui) que dizem ser o melhor, mas ainda tem o tour da Universal e o da Paramount Studios. E quem tiver algum dia livre, pode aproveitar para ver a gravação de algum seriado sem pagar nada, é só reservar seu ingresso neste site.

Além dos estúdios, exitem o museu do Hollywood Museum (que tem coisas bem interessantes, mas o cheiro de mofo lá dentro é praticamente insuportável – fiz post dele aqui), o Grammy Museum  e o famoso museu de cera Madame Tussauds para quem quer tirar fotos com as estátuas dos artistas (tem umas que são perfeitinhas). Mas, se sua paixão por celebridades for grande, pode comprar um mapinha e descobrir onde ficam as casas dos famosos (não fiz isso..rs).

la3 - Visitando | Los Angeles, Hollywood e região.

Agora depois de tanto cinema, chegou a hora de mais cultura, e mesmo quem não goste de museu, não pode sair de L.A sem visitar o The Getty Center (falei dele aqui). O museu é um dos lugares mais lindos que já vi em toda minha vida. A arquitetura do lugar é fantástica e impossível não sair de lá babando. E para quem não quer gastar com museu, fica tranuilo que é grátis. Pena que não tive tempo de ir também no The Getty Villa em Malibu, mas com certeza ficará para a próxima viagem. E se você adora museu, marque na agenda também o Natural History Museum e o LACMA (farei post em breve).

Agora o que eu gosto mesmo de fazer é andar sem destino por LA e região. É absurda a diferença de estilo de um canto para o outro. Passamos por ruas bem feias no centro da cidade e outras incrivelmente perfeitas em Beverly Hills e Bel Air. Como eu gosto de viajar para ver coisa bonita, ficar em Beverly Hills desta vez foi a melhor coisa. Todos os dias após os passeios, deixávamos o carro no hotel e ficávamos passeando até tarde pelas ruas e jardins da região. Foi muito gostoso e completamente diferente de ter ficado naquele hotel mais distante da primeira vez!

la6 - Visitando | Los Angeles, Hollywood e região.

Outro lugar que eu morria de vontade de conhecer era o campus da UCLA . E foi numa voltinha por Bell Air, antes de seguir para Santa Bárbara, que resolvemos entrar na universidade e dar uma voltinha por lá. O lugar é lindo (tem mais fotos aqui) e o clima é super gostoso. Garanto que vai ter muita gente lembrando da adolescência se imaginado naqueles filmes de seção da tarde. Quem passar por lá não pode deixar de passear pela loja da UCLA, um verdadeiro shopping de suveniers (tem até foto autografada das líderes de torcida kkk), roupas, papelaria e informática. Adorei e fiquei morrendo de vontade de estudar lá!

Aqui você pode encontar mais detalhes de todas as atrações disponíveis. Tem muita coisa legal, é só se programar. Eu mesma deixei de fazer muuuuita coisa que queria por falta de tempo. Por isso que quando leio por aí que ficar 4 dias em L.A. é muita coisa eu fica maluquinha…rsrs. Acho que só sobra tempo para quem quiser fazer apenas o passeio básico de turista mesmo. Se este é o seu caso, com certeza 2 dias são suficiente na cidade.

Quem ficar mais dias pode ir a Disneyland, passar o dia em Santa Bárbara, ver o por do sol em Venice Beach, conhecer Passadena (que é uma graça), ou ainda visita San Diego (tem vários posts aqui), que é uma graça, tem um zoológico lindo (mostrei aqui) e fica a menos de 3 horas da L.A.

la8 - Visitando | Los Angeles, Hollywood e região.

Opções de bons restaurantes não faltam pela região. Do mais badalado ao fast food, tem opções para todos os gostos e bolsos.

Já comentei aqui que sempre que estou sem tempo de escolher os restaurante, acabo me rendendo a um conhecido (seja um Cheesecake Factory, Olive Garden, Hooters ou alguma lanchonete) e desta vez não foi diferente.

Sorte que em um dos almoços demos uma espacadinha do horário corrido para pegar uma filinha básica no famoso The Ivy (que depois de tanto falarem que é um dos premiados e preferidos pelas celebridados locais, elas devem ter é fugido dos turistas..rs). Depois de 40 minutos de espera pudemos entrar e escolher nossos prato. Escolhi um gnochi bem gostoso e o marido pediu carne. O local é uma gracinha, com salas decoradas e várias reportagens sobre os prêmios espalhadas pelas paredes do corredor. Os pratos eram gostosinhos, mas o atendimento não gostei nenhum pouco (erraram o pedido, demoraram no atendimento e outras coisinhas mais). Confesso que esperava mais.

Outra sorte que demos foi que no nosso hotel Luxe Beverly Hills, tinha um restaurante bem gostosinho, o Café Rodeo. Jantamos lá no primeiro dia e meu prato estava um escândalo de bom. Pena que nas outras noites estávamos fora e não deu para repetir o pedido.

Para quem tiver mais tempo de pesquisar, aqui, achei boas dicas de restaurante. Um dos que achei mais interessante e delícia foi o The Stinking Rose (tem post aqui), onde o alho está presente até nas sobremesas (não passe por lá se estiver em Lua de mel..rs). Já para quem estiver fazendo compras, os shoppings tem várias e boas opções. Ou ainda para quem quer algo diferente, ainda tem o famoso Farmers Market.

la5 - Visitando | Los Angeles, Hollywood e região.

Se seu negócio é comprar, está em um dos melhores lugares. Los Angeles e região é repleta de shoppings, outlets e lojas para todos os gostos. O imposto não é um dos melhores, mas as opções são ótimas.

Quem quiser economizar pode começar pelos grandes outlets (tem aqui). Entre antes no site de cada um e imprima o voucher que dá direito a um book de cupons de desconto.  Para as leitoras do MakeUp Atelier e apaixonada por cosméticos, saibam que lá tem Ulta, Sephora, Target e várias farmácias espalhadas por todo os cantos, além de lojas de cosméticos específicas para cinema.

E quem quer grife, preparem os cartões. Lojas dos maiores estilistas do mundo estão espalhadas pelos shoppings, boulevard e ruas graciosas. Um dos meus passeios preferidos é ficar andando o olhando as vitrines de Beverly Hills, uma verdadeira terapia rsrs. E para comprar, passear e comer alguma coisinha em um só lugar, vale a pena passar um tempinho no The Groove, é um shopping aberto que é uma graça. Além, é claro, das grandes lojas de departamento como Bloomingdales, Sak’s e Barneys NY.

Chegando e saindo…

Infelizmente não existem tantos  voos diretos do Brasil para Los Angeles e cada empresa faz conexão em algum lugar (Miami, Dallas, NY, Atlanta). Como acho que o voo para lá é mega cansativo e junta com a mudança considerável no fuso, eu sempre opto por visitar alguma cidade na conexão. Na primeira vez fiquei uns dias em NY (depois teve San Diego e Las Vegas) e agora fiquei uns dias em Dallas (contei aqui).  Da próxima pretendo parar em Atlanta, pois morro de vontade de conhecer.

Ainda farei posts sobre os passeios em detalhes e sobre minha parada por várias cidade, até chegar em São Francisco Foi incríiiivel este roteiro. Então aguarde….Em breve neste mesmo blog, nesta mesma categoria 😉

Veja também alguns posts úteis para quem está programando sua viagem para os Estados Unidos e clique aqui para ver todos os posts sobre a California.

Você também pode gostar...

20 Comments

  • carol
    23/11/2011 at 19:10

    post otimo! *-* alias, adoro o blog. :DDDD
    mal posso esperar pelo post de sao francisco! *-*

  • Cassia
    24/11/2011 at 12:29

    Eu acho que ainda tem voos diretos duas vezes por semana com a Korean Airlines. Eles fazem LA e dps Seul.

  • Cinthia Ferreira
    24/11/2011 at 14:55

    Jura ? Essa eu nao sabia.
    😉

  • Katia Moscon
    25/11/2011 at 16:48

    Cinthia… adorei o post.
    Fui 2 vezes para Los Angeles, e dicas são sempre bem vindas… as vezes um passeio diferente, um lugar bacana para comer! Afinal quero ir de novo!
    Sabe que uma das coisas que vc falou que eu adoro também? Andar por lá… olhar as lojas, olhar as pessoas… passear por todos os lugares, quase sem destino (é claro que faço um roteiro), mas vc entende o que eu quero dizer né!
    E fico imaginando quem realmente vive ali em Beverly Hills… é tão bonito, tão diferente!
    Que tem pessoas que são “clientes” frequentes daquelas lojas, que compram sem olhar preço, quase outro mundo. rsrs
    E a dica da Mobility foi muito útil, vou alugar com eles qdo precisar…
    Continue com as dicas!!!
    Bjos

  • Luiza
    25/11/2011 at 22:54

    Ótimo post!!! Próxima vez que eu for para LA, seguirei várias das sugestões. Os restaurantes da third street promenade também são ótimos, principalmente o Bravo Cucina e o Ocean Avenue Seafood. E o shopping aberto Century City é muito lindo! Beijos!

  • Cinthia Ferreira
    25/11/2011 at 23:00

    Ai é muito bom, e entendo bem o que vc disse…. 😉 Adoro ver a vida dos locais.
    E a Mobility é muito boa sim…seeeempre alugo carro com eles.
    Bjs e obrigada

  • Cinthia Ferreira
    25/11/2011 at 23:01

    Ah sim, Santa Monica vai render um post unico. Adooooro aquele lugar 😉
    Bjs

  • Cristina
    27/11/2011 at 10:49

    Este post ficou muito bom, ainda mais que não conheço LA. Saber como é lá é super legal. Gostaria de ver mais fotos sobre a UCLA, mas o link que vc disse que tem mais fotos redireciona para o próprio post. Bjos

  • Renato
    01/12/2011 at 11:21

    Adorei o post ci, também pensava que Hollywood era todo seu glamour e cheio de celebridades por lá!

  • Cinthia Ferreira
    01/12/2011 at 13:08

    Puxa, o link está quebrado ? Entra na fa page do blog no face que as fotos estão lá 😉 Bjs

  • Cinthia Ferreira
    01/12/2011 at 13:09

    POis é…ehhheeh não é naaaada disso…rs

  • SANDRA SANTOS
    01/12/2011 at 18:19

    Nossa super bacana suas dicas!!!!continue assim.

  • Bianca
    01/07/2012 at 22:05

    Pois é como ja citaram a cima toda vez que vou para LA só voo de Korean

  • Visitando | Solvang, Califórnia | Fast Fashion Blogs
    23/10/2012 at 10:21

    […] Visitando | Los Angeles, Hollywood e região. […]

  • Maria
    18/12/2012 at 01:51

    Olá Cinthia tudo bom? adorei suas dicas e estou montando o roteiro da minha viagem com base nelas hehe, queria saber se você já foi para a California em Janeiro/fev?Se sim achou o clima “muito” frio para o nosso padrão Brasileiro?

  • Cinthia Ferreira
    05/01/2013 at 23:04

    Obrigada Maria 😉
    E fui para California no final de fevereiro só e não era frio não. Mas mesmo no início do ano não é tão frio não ;). Só lá para SF que esfria bem, mas em LA e San Diego é tranquilo.
    BJs

  • Luiza
    20/02/2013 at 19:46

    Bom, sou Publicitaria e estudo Cinema aqui em Los Angeles, onde moro desde Janeiro de 2012. Concordo em partes, mas acho que sua visão é uma visão de turista. Morar por aqui é bem diferente. Enfim, a cidade respira SIM cinema, o trânsito é ruim, mas fica longe de ser igual ao de São Paulo. Eu dirijo todos os dias e acho muito melhor do que dirigir, por exemplo, em Belo Horizonte, onde morava antes. A região de Hollywood não é “decadente”, é apenas uma região cheia de gente mau educada passeando por lá e que, como qualquer lugar que recebe gente do mundo todo e abriga o ponto turistico mais famoso de uma cidade gigante como L.A, acaba ficando. Eu amo LA, amo a California, e apenas estou pontuando isso para que os leitores acabem tendo dois pontos de vista. Nada pessoal, obviamente. Adoro o blog, sou consumista e sempre passo por aqui pra coletar dicas. Abraços.

  • Cinthia Ferreira
    21/02/2013 at 11:10

    OI Luiza, fico muito contente com seu comentário e acho incrível ver o ponto de vista de quem mora no local e gostaria muito que participasse da nova tag aqui do blog justamente com dicas dos locais ( aqui: http://www.spicyvanilla.com.br/2013/02/localize-se-dicas-das-cidades-que-so-os-locais-podem-dar/).
    E saiba que eu amo LA, voltarei várias vezes mas com certeza minha visão é apenas de turista falando com turistas. Quando falo de LA com outros amigos e leitores que visitaram, ouço da maioria que não gostaram da cidade e não voltariam. Nisso eu conto minhas experiências por ai e muitos ficam arrependidos por não terem curtido e passeado mais. Mas sobre a região de Hollywood eu juro que esperava mais, e só voltei uma segunda vez por conta do museu, pois não é uma área que me atrai mesmo. Acho que a cidade tem lugares muito mais maravilhosos do que este pedacinho turístico.
    Agora quanto ao trânsito então demos azar nas duas vezes pois fiquei mais tempo parada do que costumo ficar aqui em SP. Meu marido mesmo que já trabalhou distante de casa e pegava trânsito diário aqui em SP ficou chocado com o tráfego destes pontos de L.A>

    Enfim, espero que se interesse em mandar suas dicas pois ficarei bem feliz e com certeza os leitores também 😉
    BJs

  • JOSE MAURO
    23/06/2013 at 19:02

    JÁ ESTIVE VÁRIAS VEZES NA REGIÃO DE LA, GOSTARIA DE ACRESCENTAR ALGUNS LUGARES QUE VALEM A PENA VISITAR: NEWPORT BEACH,MARINA DEL REY, PALOS VERDES, REDONDO BEACH, TODOS AO LONGO DA HWY 1, SENTIDO SAN DIEGO, PARADISE COVE, UM BELO RESTAURANTE A BEIRA-MAR, EM MALIBU,E PARA QUEM GOSTA DE NEVE, NO INVERNO, A APENAS 120 MILHAS DE LA, BIG BEAR LAKE.

  • Juliana
    02/08/2013 at 11:02

    José Mauro, a Marina Del Rey é linda mesmo e vale demais a visita! Sobre museus e afins, LA tem um observatório lindo demais (um dos melhores passeios que fiz lá), o Griffith Observatory, que vai agradar turistas de todas as idades (crianças, inclusive!). No quesito comida local, pertinho da calçada da fama tem um quiosque de cachorro quente super tradicional por lá, o Pinky’s. Dependendo da hora, a fila é gigantesca. Quase todas as celebs já passaram pelo Pinky’s! Uma atração à parte é o pôr-do-sol. Onde quer que você esteja na Califórnia (se for na praia, melhor ainda!) o espetáculo do sol se pondo no Pacífico paga cada centavo da viagem. E, falando em praia, Venice beach tem uma vibe tão agradável, tanta diversidade, tanta gente diferemte, artesanado, rockeiros, reggaeiros, povo da maromba que dá vontade de ir e ficar. Uma dica é alugar uma bicicleta em Santa Monica, passear por Venice e, na volta, ir na famosa roda gigante quase dentro do mar, que aparece sempre nos filmes que se passam na CA. Amo a Califórnia, me projeto de vida é morar lá! rsrsrs Parabéns pelo post e pelo blog. Bjs!

Comente aqui

Translate »