California Carmel-by-the-Sea Estados Unidos MInhas Viagens

Carmel by The Sea, a jóia da California

carmel_capaMais um pouquinho da California. Darei sequência ao post da 17-Mile Drive e falarei sobre a cidade vizinha, Carmel by The Sea.

Chegamos a Carmel subindo a Highway 1 saindo de Los Angeles (contei o passo a passo da viagem aqui). Na noite anterior tínhamos dormido em San Luiz Obispo e esta era nossa última parada antes de chegar a San Francisco (120 milhas de Carmel).

Deixamos as coisas e o carro no hotel e descemos a Ocean Ave, parando em cada cantinho interessantes e ficamos apaixonados por Carmel.  Aqui tem um mapa para visualizarem melhor a cidadezinha.

Carmel me lembra a cidade de Gramado devido a vegetação e arquitetura, mas é ainda mais charmosa e parece ter saído de um conto de fadas. Uma cidade bem requintada e muito bem frequentada. Dizem que é um dos destinos preferidos dos endinheirados da região.

carmel_hotelsOnde ficar…

Nós não conhecíamos nada da cidade, não sabíamos onde ficaríamos e quando decidimos reservar o hotel, as melhores opções não estavam mais disponíveis. Ainda restavam opções mais caras ou uma bem barata. Como nossa viagem era longa, a opção caríssima estava fora de cogitação optamos por um hotel bem simples, mas muito bem localizado. Ficamos no Carmel Village Inn, que é na frente da rua principal, tem estacionamento e café da manhã. Mesmo sabendo que era um hotel turístico, achei os quartos muito antigos e descuidados. Para quem quer uma boa localização, a baixo custo, pode até ser uma opção apenas para passar a noite, mas acho que a cidade pede algo mais requintado. A foto maior é de um B&B que achamos super charmosinho e as duas fotos menores são do hotel que ficamos.

Aqui no Booking você pode verificar os inúmeros hotéis e Bed & Breaksfast disponíveis na cidade. Verifique no mapa a localização, mas como a cidade é pequena eles costumam ser todos bem próximos.

carmel_ruasComo fomos no início do outono o clima era delicioso, foi muito agradável caminhar pelas ruazinhas da cidade até a praia. Tudo lá é muito calmo e organizado. Durante o dia fazia um calorzinho bom e a noite ventava bastante. Dizem que no verão tem muita neblina, o que acaba deixando o visual um pouco menos fantástico. Se alguém já foi para lá em outra época, ficarei contente em ler seu comentário a respeito.

As ruas são lindas, limpas e floridas. O trânsito é organizado e até o posto de gasolina é bonito. As casas são encantadoras e caríssimas. Paramos em uma imobiliária para dar uma olhada e ficamos bestas com a beleza e o preço das propriedades.

carmel_restaurantsÉ impossível falar de Carmel sem falar das vitrines deliciosas espalhadas pela cidade. Doces e mais doces para deixar os amantes de açúcar enlouquecidos. São tantos tipos de cookies, cupcakes e docinhos que é quase impossível escolher apenas um.

Depois da difícil missão de escolher o que experimentar, é só sentar-se em uma mesinha ao ar livre  e ficar observando o movimento.

Só fiquem atentos que a maioria das cafeterias fecha cedo, por isso acabamos aproveitando menos do que gostaríamos. Acho que eu queria ficar na cidade uns 4 dias só para poder experimentar muitas destas delícias.

carmel_eastwoodOs restaurantes…

Carmel tem inúmeras opções de restaurantes para almoço ou jantar. Eu já tinha lido sobre alguns restaurantes interessantes e renomados, mas quisemos bancar os turistas e jantar no Hog’s Breath inn, o antigo restaurante de Clint Eastwood , que fiquei conhecendo depois de ler este post do Aprendiz de Viajante. Aliás, Clint Eastwood já foi prefeito de Carmel, ainda mora na região e hoje é dono da Mission Ranch Carmel,

A escolha foi mais pela brincadeira mas esperávamos mais do local. Nossa comida estava gostosinha, mas o local não está muito bem cuidado não e a cidade tem opções melhores.

carmel_bistroComo a noite era única e queríamos conhecer mais restaurantes, saímos do Hog’s  e fomos comer a sobremesa no Bistro Giovanni. Lá pedimos Petit Gâteau e Profiterolis. Ambos estavam muito deliciosos.

No site da cidade você poderá ver mais opções de restaurantes e seus cardápios e ainda conseguir alguns cupons de desconto.

carmel_shoppintComo sei que me perguntarão sobre as compras na cidade, aí vai.

Carmel é repleta de lojinhas lindas, mas é uma cidade bem cara. Claro que existem muitas lojas de lembrancinhas, mas como é uma cidade bem requintada, o foco são ótimas lojas de joias, antiguidades e objetos de arte.

A cidade  tem um shopping aberto e bem bonito por sinal. O Carmel Plaza tem lojas como Bottega Veneta, Anthroplologie, Tifany & Co, entre outras como a The Cheese Shopinc. Vale um passeio.

Mas voltando ao assunto dos doces, não deixe de conhecer a Cottage of sweets (primeira foto do bloco acima), uma loja  de 1959 que parece mais uma casinha de conto de fadas (A casa da bruxa de João e Maria, só que sem a bruxa rs). Lá você encontrará deliciosos fudges e outras gostosuras para levar para casa.

Outra opção bacana de compras alimentícias é o mercado Nielsen Market. Dizem que é um ótimo lugar para comprar bons vinhos e queijos, mas nós entramos mesmo para conhecer (amamos passear por mercados americanos).

Mais uma vez eu repito…fiquem atentos aos horários pois tudo fecha relativamente cedo.

carmel_by_the_seaNa manhã seguinte,  antes de seguir viagem, fomos conhecer melhor a praia. Limpa, vazia e maravilhosa. É indescritível a vista desta parte do litoral.

Saímos da praia, pegamos nossa carro e fomos atravessar o portão de entrada do condomínio de Pebble Beach para conhecer a 17-Mile Drive que contei neste post e seguir para Monterey.

carmel_cinthiaQuem estiver indo ou vindo de San Francisco, anote na agenda e não deixe de conhecer esta cidadezinha linda que é Carmel. impossível não se apaixonar. Nós mesmo não vemos a hora de fazer o caminho inverso (de SF para LA) e parar pelo menos mais umas 2 noites em Carmel.

Aqui no site oficial de Carmel, você pode saber mais sobre os eventos, restaurantes e opções de lazer na região.

.

Outros posts sobre a California…

.

Você também pode gostar...

5 Comments

  • Carolyne
    05/09/2013 at 09:04

    Olá, Cinthia!

    Mais um delicioso post sobre viagens nos EUA! Adoro! Conheço Carmel, Pebble Beach, Monterey…Aquela costa da California é uma delícia! Quando fiz minha viagem por lá, fui no início de março, Carmel estava sol, o céu era azul e limpo. Porém, ventava frio. Honestamente, este é o clima que eu gosto, céu aberto e temperatura um pouco mais baixa, mas nada que me obrigasse a utilizar um casaco pesado, pois apenas um cardigan já resolvia o problema.
    E sim, a cidade cujo prefeito foi Clint Eastwood é linda, charmosa, mas tem um precinho que faz jus a tudo isso. hehehehehehe 🙂

    Cinthia, estou pensando muito sobre suas dicas de Savannah e Atlanta. Por isso, estou quase comprando uma passagem para o final de ano. Apesar do dólar alto, acho que ainda vale muito a pena financeiramente viajar pelos EUA. Estive no RJ uns dias atrás e me assustei com os preços de hotéis, passeios etc, tudo estava muito caro, e o caro não significa que vc está desfrutando do melhor, entende?!
    Acho que ainda vale pagar uns dolares e viajar pro exterior. Por isso, estou levando muito a sério suas dicas aqui do site.

    Obrigada por dividir tudo isso conosco! Um grande beijo!

  • Cinthia Ferreira
    05/09/2013 at 10:59

    Super obrigada pelo feedback do clima 😉

    Por isso que eu sempre viajo para fora. Não consigo pagar os preços abusivos praticados aqui e daqui a pouco pretendo ir para os EUA de novo.
    E se vc gosta deste estilo de viagem, vai adorar a Georgia. Tenho bastante coisa p postar sobre lá ainda 😉
    Bjs

  • Bianca
    06/09/2013 at 17:34

    Estou indo para California em 10 de outubro, e vou passar uma noite em Carmel também! Estou anotando suas dicas, aliás muito boas!
    Bjos

  • Cinthia Ferreira
    09/09/2013 at 16:46

    Ai que bacana ;0) Vai adorar a cidade.
    bjs e boa viagem

  • Hilberaldi Correia de Lima
    21/12/2016 at 13:51

    CARMEL
    Entramos em Carmel pela Ocean Ave, e adivinhe onde a mulherada queria ir ????, ver vitrine é lógico, fomos no Carmel Plaza. A cidade é tranqüila e bem organizada e tem muitas lojas de doces e bolos e rstaurantes, aliás, Clint Eastwood já foi prefeito aqui, e dizem que mora lá, eu não o vi. Tomamos um “brunch” (que é um café da manhã mega reforçado) no Nielson Bros. Market e Deli, tomei um café colombiano, muito bom e parecido com o nosso café brasileiro, vi muita variedade de vinhos nessa loja, aliás, o vinho californiano é um dos melhores do país, havia tomado vinho norte americano Chardonnay em Los Angeles, mas dessa vez não quis beber, pois estava dirigindo. A Califórnia produz excelentes vinhos dos tipos cabernet sauvignon, pinot noir, syrah, merlot, zinfandel, grenache, tempranillo, malbec, petite sirah, cabernet franc e sangiovese. Passeamos um pouco pelo centrinho e partimos para uma primeira parada em The Lodge at Pebble Beach, estacionamos o carro no “public parking”, atravessamos o jardim e entramos no lobby do hotel, que tem uma vista panorâmica do campo de golfe com o mar ao fundo, aproveitei e tomei um café no hotel típico norte americano, naqueles tradicionais “copinhos com tampa” que a gente vê muito em filmes. Visitamos o Pescadero Point, o lugar é muito agradável e tem algumas trilhas, mas não andamos muito. Passamos pelo mirante da Lone Cypress que é o logotipo de Pebble Beach, nesse local renderam muitas fotos. Vimos muitos pelicanos, leões marinhos e focas em Birds Rock, aqui tem banheiro público. Rodamos pela Ocean View Boulevard até chegar a Monterey. Califórnia, em breve voltarei.

Comente aqui

Translate »