California Carmel-by-the-Sea Estados Unidos MInhas Viagens Monterey Pebble Beach

17-Mile Drive | Um pedacinho encantador da California

17_mile_drive_capaDepois de postar sobre a Georgia e sobre a Carolina do Sul, volto para o lado do Pacífico para mostrar um pedacinho inesquecível da Califórnia, Pebble Beach e a 17-Mile Drive.

Quando começamos a planejar nossa viagem pela Route 1, o foco era aproveitar ao máximo a paisagem lindíssima da região então claro que a 17-Mile Drive não poderia ficar de fora. Escolhemos o mês de setembro pois muitos dizem que é a melhor época para fazer este roteiro e pegar dias lindos. Dito e feito, um dia mais perfeito que o outro e nossas fotos podem comprovar.

Aliás, este é um post com mais fotos do que texto, afinal, impossível resistir a estas imagens.

Consulte valores de aluguel de carro com desconto aqui

17_mile_drive_carmelComo eu já disse neste post, nós subimos a costa da Califórnia, saindo de Los Angeles e indo até São Francisco. A parada antes de Pebble Beach foi Carmel-by-the-Sea, cidade lindíssima que vale a pena a visita e em breve falarei mais sobre ela.

A 17-Mile Drive é uma estradinha cênica que atravessa o condomínio de luxo de Pebble Beach. A estrada liga Carmel a Monterey, tem menos do que as 17 milhas do nome e tem portões de entrada. Um por Carmel, um por Monterey, um direto pela Rodovia, um por Pacific Grove e mais um em outra rodovia.

Para entrar no condomínio e visitar a 17-Mile Drive é preciso pagar uma espécie de pedágio, que no caso era de 9,50 dólares como mostra a placa. Nós estávamos de carro mas é possível fazer a visita de bicicletas (motos não eram permitidas).

17_mile_drive_mapaSaímos de Carmel perto da hora do almoço, pegamos nosso carro e fomos atravessar a 17-Mile Drive. Pagamos a taxa, pegamos nosso mapinha e fomos passear pelos pontos escolhidos.

Além de hotel, campo de golf e restaurante, o que importa mesmo na estradinha são os incríveis pontos cenográficos. Como podem ver no mapa, cada número indica uma parada.

17_mile_drive_3Eu já tinha lido este post da Aprendiz de Viajante (aliás foi durante a tal pesquisa que nos conhecemos) e sabia bem os pontos que eu gostaria de visitar. Nossa passagem pela estrada durou pouco mais de 2 horas pois a viagem continuava e tínhamos muito que ver ainda.

17_mile_drive_estradaNo início nos perdemos um pouco até nos localizamos direito no mapinha. O mapa nos mandava para um lado, o gps para o outro e assim se passaram uns 15 minutos de bagunça sem saber por onde começaríamos.

17_mile_drive_the_lodgeNossa primeira parada para descer do carro foi no resort The Lodge at Pebble Beach. Tem um grande estacionamento na frente e é o ponto para quem tiver interesse almoçar, comprar alguma lembrancinha, ir ao toilette e claro, observar a vista que lindíssima.

O local é um ponto de encontro para amantes de golf. Para quem quiser se hospedar, as diárias das suítes variam de 750 a 2500 dólares.

17_mile_drive_ghost_treeUm dos pontos que eu mais gostaria de conhecer era o número 17 – Ghost Tree. O nome do ponto nem precisa de muita explicação já que as árvores do local parecem saídas de um livro de terror infantil. Nada de folhagem, só assombrosos galhos que não foram nada assustadores com aquele sol lindíssimo que nos acompanhou a viagem toda.

Os pontos sempre tem lugares para estacionar o carro e felizmente no dia que fomos estava vem vazio e muito agradável. Encontramos duas senhoras que após um curto bate papo nos parabenizaram por ter escolhido uma ótima data para a visita. Era a quinta vez delas por lá e a única com um tempo tão aberto e lindo.

17_mile_drive_1Ao longo do caminho o que não falta é paisagens a serem fotografadas. Uma praia, uma árvore, uma estradinha… Tudo é muito lindo e bem conservado.

17_mile_drive_fanshellNão chegamos a descer do carro em todos os pontos mas tiramos muitas e muitas fotos.

17_mile_drive_4Quem tiver tempo de sobra pode pensar em um picnic por lá. Tem áreas destinadas a isso ao lado do Bird Rock.

17_mile_drive_animaisAlém da belíssima paisagem é impossível não se encantar com os animais da região. Muitos deles pareciam acostumados com as câmeras que pareciam fazer poses para fotos. Nem faço ideia de quantas fotos tiramos dos bichinhos.

17_mile_drive_5Outro ponto muito legal é Bird Rock que tem a área de pinic que eu mencionei acima. Lá também tem banheiros e um possível ponto de alimentação que se eu não me engano não estava funcionando.

17_mile_drive_bird_rock_10Quando você lê uma placa escrito Bird Rock não dá para imaginar algo além de pássaros naquela enorme pedra. Mas foi só prestar atenção e usar a lente da câmera para descobrir que os gorduchos Leões Marinhos ocupavam a maior parte da pedra tantando tomar um solzinho. Naquela ocasião os pássaros mesmo eram a minoria.

17_mile_drive_bird_rockCom alguns centavos na maquininha deu para ver os bichinhos mais de perto. Muito engraçado observá-los saindo do mar e subindo até o alto da pedra.

17_mile_drive_sea_lionsE assim foi, ponto após ponto, foto após foto. Horas muito agradáveis que nos deixaram esquecer do nosso almoço e até mesmo de seguir viagem.

17_mile_drive_6Saímos da 17-Mile Drive e fomos dar uma voltinha pelas ruas de Monterey. Depois foi hora de voltar para a estrada rumo a San Francisco, mas isso é assunto para um próximos post.

Para ler tudo sobre esta nossa viagem pela Califórnia, clique aqui.

 Outros posts sobre a California…

Você também pode gostar...

6 Comments

  • Daniela
    28/08/2013 at 15:29

    Oi Cinthia!

    Sou uma leitora anônima do seu blog e não lembro exatamente quando vim cair de paraquedas aqui, mas lembro do motivo: a receita do Naked Cake que eu pretendo fazer no aniversário da minha mãe =)

    Eu só queria dizer que acho o seu blog lindo, lindo de mais!
    Adoro quando você posta receitas e dicas de viagens, você não sabe quantas dicas valiosas anotei! Eu sonho em conhecer as cidades/estados mais “interioranos” dos Estados Unidos (já que na minha primeira ida eu me joguei de cara em Vegas e New York, rs) e eu quase morri vendo/lendo sua passagem pela Carolina do Sul *-*

    Então, eu só queria mesmo te parabenizar pelo seu trabalho, ressaltar o quanto ele é bom e profissional e desejar (mesmo sem te conhecer) muito, muito sucesso. De verdade!

    Beijinhos!

  • Cinthia Ferreira
    28/08/2013 at 15:57

    Que delícia ouvir isso Daniela 😉
    Eu adoooro ver fotos de leitoras nos lugares que eu postei no blog ou fazendo as receitinhas. Não tem coisa mais gratificante do que isso 😉
    Agradeço muito seu carinho e fico aqui disponível para ajudar com alguma informação sempre que puder.
    Aliás, se vc ainda não conhece o makeupatelier.com.br, sinta-se convidada a me “ler” por lá tb rs.
    Bjssss

  • Andrezza
    05/10/2013 at 17:44

    Oi cinthia !!!! Esse seu blog de viagem é tudo de bom….. Já amo o seu de maquiagem tb… Vou viajar de lua de mel em dezembro para nova york e california e conhecer de carro a costa oeste, passando desde san Francisco por carmel, monterey, santa barbara até chegar em los Angeles. Sei que vai estar inverno mas espero q de para aproveitar bastante!!!! Anotei varias dicas suas….. E queria saber se vc sabe alguma indicacao de programação/ restaurante para passar a noite de Natal em nova york e o ano novo em monterey/ Carmel. obrigada. Bjossss

  • Cinthia Ferreira
    07/10/2013 at 11:06

    Obrigadaaaa 😉
    E puxa, Natal em NY eu nunca passei, só em Washington que não teve nada..Natal para eles é mais no dia seguinte e em família, então não sei muito sobre o que fazer não.
    Em Carmel tb não tenho ideia rsrs mas não acredito que tenha algo no estilo do Brasil não. A cidade é super pacata 🙁 Ficarei te devendo estas…
    Bjs e ótima viagem

  • Ana Mendes
    01/08/2016 at 16:30

    Amei a materia!! Esta sendo muito util para programar minha viagem e gostaria muito de ter esse mapa c as atracoes! poderia me enviar por favor? Nao encontrei =/ e desculpa a falta de acentos, mas nao consigo configurar o computador. Obrigada desde de ja e parabens pela materia! Excelente

  • Cinthia Ferreira
    06/08/2016 at 12:51

    Obrigada 🙂
    E puxa, infelizmente eu não tenho mais este mapa, mas na entrada do parque eles te entregarão um.

Comente aqui

Translate »