Canadá Montreal ottawa Quebec Toronto Turismo

Canadá de Trem | Toronto, Ottawa, Montréal e Quebec City

trem_canada

Quer saber como ir de Toronto até Quebec de Trem? Hoje eu vou contar como foi esta nossa viagem. Viajamos a convite da Via Rail, foram 3 trens, em 3 classes, para poder testar e ver a diferença entre cada tipo de tarifa.

As viagens foram ótimas, as estações eram super centralizadas e foi tudo perfeito. Na época de neve, trocar o carro pelo trem é a melhor opção, mas nós fomos no início da primavera e ainda estava bem frio. Não pegamos as paisagens mais belas do mundo, mas foi bem bacana e bem menos cansativo para o marido, que não teve que dirigir por horas e horas.

trem_canada_toronto

Mas antes de contar sobre a nossa experiência, vamos falar das bagagens, afinal brasileiros amam malas grandes, né ?

Há trens que aceitam bagagens de 32kg (com pagamento de excesso), mas de Toronto até Ottawa e Ottawa até Montreal, o máximo de peso permitido era 23 kg.

Eu como uma viajante experiente, te digo que é possível sim fazer uma viagem de 25 dias com uma mala de 23 kg + uma de mão com 11kg. Há gente que viaja com metade disso, mas aí eu já acho que é demais para mim hahaha. Com este limite permitido eu acho bem tranquilo.

Antes de embarcar no trem os atendentes pesam as malas grande sempre, em duas estações pesaram também nossas malas de mão (11kg), então, nada de dar bobeira. Há casos que não é possível nem pagar excesso, eles não aceitam e ponto.

O tipo de passagem também vai influenciar na quantidade de bagagem permitida. Abaixo a tabelinha da Via Rail indicando os limites para cada tipo de tarifa. No caso da “scape” é possível pagar um valor a mais e conseguir levar mais bagagem (veja aqui).

trem_canada_bagagem

Notem que, quando a rota tem trens com bagagem despachada, o limite é de uma bagagem de mão de 11,5 kg + duas bagagens de até 23 kg. Mas, no caso da mala despachada, é possível pagar excesso de bagagem se for necessário. Nos trens que a bagagem não é despachada não é possível ter excesso de peso.

Antes de sair do Brasil com a sua mala veja bem os detalhes da franquia de bagagem para não ter surpresas no local. Aqui no site da Via Rail tem os detalhes de bagagem e política de cancelamento, e aqui a política de bagagens completa.

Aqui nesta página há informações sobre o peso e itens que podem ou não ser transportados nos trens.

Bom, mas vamos a nossa viagem. Fiz um mini vlog mostrando um pouquinho de cada trem e explicando algumas coisa. Aperte o play ou clique aqui.

Completando o que mostrei no vídeo, seguem outras informações.

trem_canada_primeira_classe

O primeiro trajeto foi o mais longo, de Toronto até Ottawa, na classe executiva. Chegamos na estação uma hora antes, fizemos o check-in e fomos para a sala vip. Uma sala grande com wifi, revistas, bebidas e comidinhas. Ficamos lá aguardando até a hora do embarque.

trem_canada_first_class

Nosso vagão era o primeiro, tinha mesinha e serviço de bordo. Um espaço ok e poltronas confortáveis. Foram 5 horas de viagem com um bom wifi. Enquanto eu trabalhava o marido tirava um cochilo.

No caso de viagem longa, acho que a executiva é bem interessante.

trem_canada_refeicaoO serviço de bordo da executiva foi excelente. Funcionários super atenciosos e uma comidinha super gostosa.
Primeiro eles servem salgadinhos, depois o almoço, sobremesa e chocolatinho no final. Bem compatível com executiva de cia aérea. 

trem_canada_estacao

O segundo percurso foi Ottawa até Montréal na categoria econômica plus. Uma viagem curtinha, mas super tranquila. Mais uma vez não tinha bagagem despachada e embarcamos com nossas próprias malas.

A estação de Ottawa é pequena e bem tranquila, já a de Montréal é enorme, tem vários restaurantes e parece mais um aeroporto de cidade pequena.

Depois fomos de Montréal até Quebec City, um pouquinho mais longa, mas bem confortável. Este trecho permitia malas mais pesadas que foram despachadas. Foi ótimo, pois neste ponto já tinhamos feito umas comprinhas e levamos uma mala a mais. Estávamos com 3 malas com 23 kg e nossas duas de mão com quase 12 kg. 

Resumindo, foi super tranquilo, gostoso e só seria melhor se tivessem as paisagens perfeitas lá do outro lado do país, mas achamos uma experiência ótima. E como as estações eram próximas aos centro das cidades, até o taxi saiu bem em conta e compensou muito. Bem melhor do que os aeroportos que são tão distantes.

Para quem ainda não viu, aqui tem um post onde contei como foi atravessar dos Estados Unidos para o Canadá de trem.

Informações:  Confira os detalhes e compre as suas passagens direto no site da Via Rail.

O Spicy Vanilla fez a viagem a convite de Via Rail e  Ontario Tourism.

Você também pode gostar...

34 Comments

  • Larissa
    25/01/2016 at 14:16

    Olá, Cinthia!!! Parabéns pelo blog. Seus posts são sempre os mais legais e completos!!!

    A viagem do Canadá por exemplo, só resolvi fazer depois que vi o seu site!! Inclusive vou fazer o roteiro igualzinho kkkk

    Lendo seu post sobre os trens, fiquei com uma dúvida. É que você menciona apenas a questão do peso das malas. Eles são rigorosos também com relação ao tamanho? Isso porque vi no site uma medida de 158 cm linear e não entendi muito bem. Será que isso significa a altura da mala? Ou seria a soma de todas as medidas, peso, altura e largura? Ou nenhum dos dois kkk?

    Grata pela atenção.

  • Cinthia Ferreira
    27/01/2016 at 09:43

    Oi Larissa, puxa que legal 😉 Eu não vejo a hora de voltar para lá.
    E sobre as medidas das malas, eu já vi fiscais medindo sim. Mas a medida é de uma mala grande. Vc pede a altura, profundidade e largura e soma tudo.
    Depois me conta como foi tá ?
    Bjs

  • Andreia
    14/02/2016 at 11:29

    Oi Cinthia, neste último que você disse que eles vendem comida, a pessoa pode já levar alguma coisa para comer ou é proibido?

  • Cinthia Ferreira
    17/02/2016 at 12:55

    Oi Andreia, pode levar sim 😉 Nós sempre levamos alguma coisinha.

  • Rosario
    10/03/2016 at 17:47

    Suas dicas foram muito úteis. Acabo de decidir. Vou de trem de Toronto para Montreal, torcendo para ser um dia ensolarado. Depois te conto.

  • Cinthia Ferreira
    11/03/2016 at 18:02

    Puxa que legal 😉
    Quero saber tudo sim.
    Bjs e boa viagem

  • MONICA TOLEDO
    26/04/2016 at 17:38

    OI CINTHIA
    VOU AO CANADA COM MEU MARIDO NO FINAL DE MAIO E VAMOS FAZER O CAMINHO INVERSO AO SEU..COMEÇO EM QUEBEC E DESÇO ATE TORONTO. ESTIVE NA ITALIA RECENTEMENTE E LA ELES NÃO FAZEM CHECK-IN QDO A VIAGEM É DE TREM E NEM PESAM MALAS. ISSO É NORMAL EM QQ ESTAÇÃO DO CANADÁ? NA CLASSE BUSINESS PODEM SER DUAS MALAS DE 23 MAIS UMA DE MÃO POR PESSOA? É ISSO? DESCULPA DE PERGUNTAR MAS FICO AFLITA TODA VEZ Q VIAJO COM MEDO DE DAR ALGUMA COISA ERRADA.
    ABS
    MONICA

  • manoela
    27/04/2016 at 13:07

    Olá Cinthia!
    Adorei teu post.
    Vamos fazer o roteiro inverso no final do ano. Chegando por Quebec City – Montreal – Ottawa – Toronto, tudo de trem. De Toronto atravessaremos de trem para NYC.
    Fiquei com uma dúvida: Como nosso ultimo trecho no Canadá é Ottawa – Toronto e tenho receio de que nossa bagagem esteja mais pesada, sabe informar se este trecho permitido despacharmos as bagagens? E o trecho Montreal – Ottawa, também permite?
    Será que de Toronto à NYC também há controle de bagagens?
    Obrigada

  • Cinthia Ferreira
    27/04/2016 at 17:44

    Oi Manuela, Vc tem que entrar no site da Via Rail e ver na parte da bagagem o que eles aceitam. Cada trecho muda o tipo de trem e mudam estas regras. Mas no site eles informam o que é permitido. Já para NY eu acredito que tenha que despachar sim pois tem fiscalização da aduana. Pelo menos quando fomos de Seattle para Vancouver teve.
    Depois volta para me contar como foi o trajeto que fiquei curiosa 😉
    Bjs e boa viagem.

  • Cinthia Ferreira
    27/04/2016 at 17:46

    Oi Monica, na Europa eles não fazem mesmo, é bem diferente do Canadá. Mas no Canadá tem conferência sim e costuma ser bem rígido. O volume e a quantidade de malas muda de acordo com o trem, então vc tem que entrar no site deles, ver o trem que vc vai pegar e olhar no limite da bagagem. E vc está certinha de prestar atenção nisso ante para não ter problemas depois. Mas no site da Via Rail dá para consultar isso sim 😉
    bjs e boa viagem.

  • manoela
    28/04/2016 at 16:33

    Oi Cinthia!

    Obrigada, vou verificar sim. Na Europa, felizmente, não há controle com relação ao peso de bagagens. Já viajamos pela Inglaterra, Itália, Espanha, França, Bélgica, Alemanha, Holanda, Hungria, Rep. Tcheca e Áustria e NUNCA tivemos um único problema. E tudo de trem. Amamos viajar de trem. Tão fácil e confortável né?
    Mas estou receosa com o Canadá…
    Adorei teu posto sobre Mont-Treblant! Foi decisivo para inserir no nosso roteiro. Só estou em dúvida entre o ônibus e carro, pois ficaremos no
    Condo Tremblant Versant Nord / Bord de l ‘Eau e de lá o acesso para a estação, sem carro, será complicado…
    Tenho um instagram de viagens e gastronomia : @savoir_faire_pelo_mundo
    Na volta te conto, como foi nossa aventura! 😉
    bjos

  • Cinthia Ferreira
    29/04/2016 at 16:14

    Oi Manoela, nós tb já fizemos boa parte da Europa de trem tb e não tem nada disso mesmo. Canadá é bem diferente mesmo, mas sabendo estes detalhes é tranquilo e a viagem é bem tranquila. Ah e os trens são bem mais lentos também rs.
    E mont tremblant é lindo, não deixe de comer uma raclette por mim, terá várias fotinhos para o seu insta 😉 Lá tem ônibus que vai para o resort mas com certeza se vc estiver de carro é bem mais fácil e rápido para ir até a cidade tb.
    Bom se tiver alguma outra dúvida sobre as cidades é só falar, agora estou postando tb no @spicyvanillapelomundo.

    bjs

  • Rosana
    30/06/2016 at 17:32

    Qual o valor das passagens nas três classes que vc fez?

  • Cinthia Ferreira
    30/06/2016 at 22:31

    OI Rosana, os preços mudam sempre. Entra no site da ViaRail.com e faça uma simulação no período que deseja.

  • Rosana Melo
    21/08/2016 at 22:04

    Oi Cinthia, suas informações são super importantes para quem vai ao Canadá pela primeira vez, o que é o meu caso.
    Gostaria que, se possível, me ajudasse com o seguinte: quantos dias vc acha necessário para fazer o mesmo trecho de trem que vc fez visitando os pontos principais de cada uma das cidades e ainda incluir Niagara Falls? Um abraço, Rosana

  • Cinthia Ferreira
    22/08/2016 at 11:18

    Obrigada Rosana 😉
    Então, eu sempre digo que duas noites em cada cidade pequena e 4 em cidades grandes é o mínimo que que recomendo, mas depende do que cada um quer ver. Niagara, Ottawa e Mont Tremblant são cidades que se resolve o básico em 2 dias inteiros na cidade. Já Toronto, por exemplo, é uma cidade com muitos atrativos e 4 noites seria o ideal.
    bjs

  • vileide Ramos
    25/09/2016 at 11:57

    BOM DIA !!!
    Estarei indo ao Canada próxima semana, gostei das sua informações, são valiosas para quem vai a primeira vez como eu uma viagem de trem no pais, PARABENS , ajudou muito, quero saber onde comprar passagens de trem, qual site? não to conseguindo, Muito Grata .
    Por favor me orienta onde comprar a passagem noturna. Grata>

  • Cinthia Ferreira
    29/09/2016 at 12:03

    Obrigada 😉
    O site é o ViaRail, lá vo consulta todos os horários e preços.

  • Gilberto Luiz Cherubin
    11/10/2016 at 21:33

    Ola Cinthia.. parabens pelas dicas. Show de bola..
    Esse passeio que vc fez era um pacote que permitia descer em cada cidade?
    Não têm essa opção no site…
    Coloquei aeroporto de toronto ate quebec e me deu somente as opções de inicio ao fim sem paradas…
    Alguma informação extra para nos auxiliar?

  • Fatima Oliveira
    09/12/2016 at 13:13

    Posso comprar as passagens de trem ,com poucas horas de antecedência, ou de 1dia para outro. Gostei muito desse roteiro. Obrigada

  • Cinthia Ferreira
    09/12/2016 at 13:35

    OI Fatima, poder pode mas vai depender da disponibilidade. Verifique sempre no site da empresa.

  • vanessa barino neufeld
    02/02/2017 at 13:07

    Oi Cinthia, parabéns pelo post!
    Estou indo para o Canadá em março e vou usar bastante essas linhas de trens!
    Adorei a música que você usou nesse vídeo, pode me dizer qual música é?
    Abraços!

  • Cinthia Ferreira
    02/02/2017 at 13:13

    Ai que bom, aproveite muito.
    Sobre a música eu não sei o nome ;( São músicas que o youtube disponibiliza para usarmos nos vídeos mas não lembro como se chama.
    Abraços

  • Karina
    18/03/2017 at 16:39

    Amei seu blog, parabéns. Estou planejando minha viagem ao Canadá e curti muito as dicas aqui. Bjs! Sucesso!

  • Cinthia Ferreira
    18/03/2017 at 23:18

    Obrigada 😉 Se precisar de alguma dica extra estamos aí. bjs

  • Sheylla Araujo
    21/05/2017 at 20:06

    Oi Cinthia! Vamos fazer o Canadá de trem, estou preocupada porque nós nossos bilhetes não aparece o nome das estações. Sei que tem cidades, como Montreal, que possuem mais de uma estação. Como faço para saber em qual estação iremos embarcar?

  • Sheylla Araujo
    21/05/2017 at 20:07

    Cinthia a altura da mala é medida com as rodas? Eles são muito rigorosos com o tamanho e peso das malas?

  • Cinthia Ferreira
    21/05/2017 at 21:26

    A altura é com as rodas sim mas eles não medem. Agora pesar eles pesam sim e são rigorosos. Bem diferente da Europa.

  • Cinthia Ferreira
    21/05/2017 at 21:27

    Normalmente são as estações centrais que são marcadas quando vc coloca só no nome da cidade. Mas confirme com o pessoal do seu hotel que eles sempre ajudam. 😉

  • Fabio Azevedo do Valle
    17/07/2017 at 23:31

    Ola Cinthia.
    Você poderia me explicar se seria melhor ir de trem de Montreal a Toronto ou de avião?
    Estaremos retornando a Toronto depois de uma excursão de Toronto-Otawa-Quebec-Montreal.

    Fabio

  • Cinthia Ferreira
    18/07/2017 at 00:07

    Bom eu sou suspeita para falar pq eu amo trem e odeio avião rs. Acho bem mais legal andar vendo a paisagem e grudadinha no chão. Mas depende, tem que ver se as malas entram na questão do peso de 23kg do trem. Mas eu com certeza iria de trem ou de carro.

  • Kamila cordeiro de oliveira
    19/08/2017 at 13:47

    Fábio. Estou em Toronto. Essa viagem que fez vc foi por agência ou por carro próprio?

  • Anna Christina
    11/10/2017 at 17:18

    Oi Cinthia, tudo bem?

    Nós vamos ao Leste Canadense em junho e nossa programação é:
    3 noites em Toronto
    1 noite em Niagara on the Lakes
    2 noites em Ottawa
    3 noites em Quebec
    3 noites em Montreal
    1 noite em Mont Tremblant
    Volta para Toronto para pegar o voo para o Brasil

    Você acha que vale a pena ir a Mont Tremblant no verão?

    Obrigada pelas dicas!

  • Cinthia Ferreira
    11/10/2017 at 17:22

    Roteiro está bem legal 😉 E sobre Mont Trembelnt, o pessoal disse que é bem legal no verão pq tem uns festivais e tal. Vale a pena ir para comer raclette rs.
    bjs

Comente aqui

Translate »