California Cultura Estados Unidos MInhas Viagens museu San Simeon

Hearst Castle, um castelo na Califórnia

hearst_castle_capaAí vai um post que está com mais de um ano de atraso mas não poderia deixar de ser publicado, afinal, ainda tenho muito conteúdo sobre a Califórnia para publicar.

Como semana passada eu finalmente consegui assistir a nova versão do “The Great Gatsby” e não pude deixar de lembrar de uma mansão/castelo real nos Estados Unidos, que eu tinha visitado e muita gente de fora do país desconhece a sua existência. Hoje falarei um pouco sobre o Hearst Castle em San Simeon na Califórnia.

hearst_castle_portal Quando preparamos o nosso roteiro pela Route 1 na Califórnia fui anotando as coisas que eu mais gostaria de visitar no caminho e o Hearst Castle era uma delas. Afinal, seria incrível visitar um castelo na costa da Califórnia e saber um pouquinho mais sobre a história de um local que foi mágico nas décadas de 20 e 30.

Para visitar o Hearst Castle, passamos a noite em uma cidade próxima, San Luiz Obispo (contei nosso trajeto todo aqui). Como não sabíamos que horas íamos chegar no castelo, não compramos ingressos on-line e deixamos para comprar na hora. Pegamos a estrada às 10 da manhã e em menos de uma hora chegamos ao portal de entrada para o castelo.

Paramos no grande estacionamento e tentamos achar uma vaga na sombra. Fazia um calor de lascar e nossas malas estavam todas dentro do carro (aliás, sempre pergunto para os “locais’ se não tem problema deixar as malas dentro do carro sozinhas, afinal, aqui no Brasil não é aconselhável fazer o mesmo).

hearst_castle_entradaEntramos no centro de visitantes e fomos comprar o nosso ingresso, estava super tranquilo e foi bem rapidinho. Dizem que as vezes a fila é tão grande que quem não tiver comprado ingresso antes corre um sério risco de não conseguir fazer a visita.

Observe a hora do seu tour e se quiser poderá assistir um filme sobre o castelo, antes ou na volta do tour.

O Hearst Castle tem 4 opções de tours (aqui você pode conhecer os demais), um para cada parte do castelo. O  Grand Rooms Tour dura 45 minutos e é o mais indicado para uma primeira visita e foi o que escolhemos. Ele permite a visita ao salão social, sala de jantar, sala de bilhar, cinema, jardins e às piscinas Neptune Pool e Pool Roman. Além dos cômodos do castelo, os outros tour mostram as casas anexas. Acho que se tivéssemos mais tempo, teria feito mais um tour no mesmo dia.

No centro de visitante há também restaurante e lojinhas de lembranças, como em todo ponto turístico dos Estados Unidos. Na saída, aproveite para fazer um lanchinho antes de seguir viagem.

hearst_castle_caminhoIngresso na mão é hora de ir para a fila de embarque. Neste momento pegamos um ônibus que nos levou até o castelo (é a única forma de ira até lá em cima). A mini viagem, repleta de curvas, dura cerca de 15 minutos e seria perfeita se não fosse o fato do ônibus não ter ar condicionado e o calor estar escaldante.  Foi terrível, mas vista é realmente fabulosa !

Chegamos na frente do castelo e o sol parecia nos cozinhar. Era impossível ficar fora da sombra e tudo o que eu mais queria era conseguir olhar a paisagem sem derreter. Entramos no castelo e começamos a nossa visita guiada.

O Hearst Castle foi idealizado pelo seu proprietário, William Randolph Hearst e pela arquiteta. Mr. Hearst, que construiu a mansão e as casas anexas nas terras herdadas de seu pai. Uma das grandes razões para a construção era receber hóspedes e fazer reuniões casuais e divertidas.

hearst_castle_jantarO interior do castelo tem uma estética bem diferente e confusa. Tapeçarias antigas espalhadas por todo canto, teto esculpido em madeira, esculturas e peças de arte espalhadas por tudo, a grande maioria vinda da Europa. O local é um tanto escuro pois as janelas são mantidas fechadas para a preservação dos itens.

A guia nos disse que Mr. Hearst amava obras de artes, antiguidades e sempre comprava algo a mais para incrementar a decoração. Peças únicas e caríssimas se misturam a obras de artistas desconhecidos, afinal, ele dava mais valor ao trabalho do que ao artista propriamente dito. Comprava peças do mundo todo e preenchia cada canto do castelo.  Não consigo achar aquilo bonito tudo junto, mas são peças tão interessantes que mesmo em excesso valem a visita.

Na área de jantar por exemplo, Mr. Hearst misturou painéis e teto de madeira escuro e resolveu dar um toque de cor com bandeiras afixadas nas paredes. É realmente algo muito fora do comum, mas que representava exatamente o gosto do proprietário.

Curiosidades…

Como podem observar sobre a mesa, peças de prata do século 17 se misturam com embalagem de ketchup e mostarda. Apesar da excentricidade, Mr. Hearst gostava de servir menus simples, lanches e dizia que ali era um espaço para descontração e não para formalidades.

Os convidados de Mr. Hearst tinham seus lugares reservados na mesa de jantar. Ele gostava de conversar com cada um de seus convidados e conhecer um pouquinho da vida de cada um. O convidado mais recente se sentava ao seu lado em sua primeira visita, a cada nova visita este mesmo convidado passava uma cadeira para o lado e dava lugar a um novo visitante e assim por diante. Quando o mesmo chegava na última cadeira da mesa, ficava subentendido que as suas visitas ao castelo se encerraram e novos convidados estariam por vir.  O desejo de Mr. Hearst era conhecer mais e mais pessoas interessantes.

hearst_castle_cinemaFestas e mais festas reuniam atores, escritores e políticos. Entre os convidados ilustres estavam Charlie Chaplin, Clark Gable, Greta Garbo, Winston Churchill, Joan Crawford, Dolores del Rio, Charles Lindbergh e tantos outros.

No complexo existe sala de jogos, cinema, quadras poliesportivas e antigamente havia até um zoológico. Depois de sua morte muitos animais foram transferidos e hoje podemos ver apenas algumas zebras que avistamos da estrada antes mesmo de chegar na entrada de visitantes.

hearst_castle_jardinsAs construções (casa principal e as casa de hóspedes) lembram edifícios históricos espanhóis, afinal, Califórnia foi colônia Espanhola por muito tempo.

Depois de observar a casa central por dentro, era hora de sair e visitar os incríveis jardins e piscinas. Agora sim o passeio ficou perfeito. Flores e árvores frutíferas são emoldurados pela vista incrível do Pacífico.

hearst_castle_poolMas o que eu queria mesmo era ver as tais piscinas tão comentadas pelo mundo afora. A Neptune Pool era o espaço mais requisitado pelos hóspedes. Com inspiração greco-romana, a piscina tem 34 metros de largura e 3 metros de profundidade na parte mais funda. À noite, dizem que a iluminação deixam o local ainda mais lindo.

hearst_castle_roman_poolPor último e já no caminho da saída, Roman Pool, que na minha opinião foi a verdadeira jóia do castelo. Depois de já ter ficado encantada com a beleza da Neptune Pool, não acreditei quando vi esta piscina coberta.

Inspirada nas casas de banho romanas, a piscina de 26 metros foi feita com mosaicos de pastilhas italianas em tons de dourado e azul que recobrem o teto, paredes e o interior da piscina. Escadas feitas em mármore, estátuas de Deuses e uma iluminação bem particular. Incrível!

Acabamos demorando o dobro de tempo programado (achei que 1 hora seria suficiente e levamos 2), paramos algumas vezes na estrada para fazer fotos e os planos de almoçar em Big Sur viraram um lanchinho da tarde. Mas confesso que foi o lanchinho da tarde com a vista mais linda que já tivemos (mostrei aqui).

Então se você vai para a costa californiana e acha interessante conhecer um pouco da história e ver paisagens belíssimas, programe uma paradinha no Hearst Castle que vale muito a pena.

Agora quem não tem planos de visitar o Estado tão cedo, pode fazer ou tour virtual no site e ter uma ideia de como é o castelo.

Informações…

No site do Hearst Castle você poderá comprar os tickets, saber sobre preços e horários e escolher melhor o seu tour.

.

Veja outros posts sobre a Califórnia…

.

Voopter Hotéis. Busque menos. Viaje mais.

Você também pode gostar...

3 Comments

  • Fernanda
    24/06/2013 at 14:26

    Gente, eu sou louca por esse castelo! Quando fui pra California, era criança e como estávamos em 2 famílias, com 4 crianças no total, não fizemos o tour que era todo em inglês e os pais acharam que nós 4 ficaríamos entediados por não entender nada… Agora tenho que voltar a California por causa disso!! Que sacrifício! hehehe

  • Cinthia Ferreira
    25/06/2013 at 13:14

    ahhahah, mas o tour é legal mesmo sem entender nada 😉 A vista é fabulosa demais. E sim, acho bom vc fazer este sacrifício e voltar para California mesmo rs. Eu já não vejo a hora de ir mais uma vez.

  • Polyana Sousa
    17/01/2014 at 16:39

    Maravilhoso, amei nota 1000 rs.

Comente aqui

Translate »