Brasil Cultura museu São Paulo Videos

LEGO | Exposição Art Of The Brick em São Paulo

art-of-the-brick

Finalmente a exposição The Art of Brick – Nathan Samaya, artista que faz esculturas utilizando peças de LEGO, chega ao Brasil e eu fui uma das convidadas da Multiplus, apoiadora do evento, a fazer um tour pela exposição guiada pelo próprio artista.

A celebrada exposição teve sua primeira edição em 2007 na Pensilvânia e de lá para cá já passou por mais de 80 museus em cidades nos Estados Unidos e no mundo. Hoje, dia 11 de agosto de 2016 está oficialmente a temporada de São Paulo e conta com 83 esculturas todas feitas com mais de 1 milhão tijolinhos de Lego.

Então vamos começar pelo vídeo que eu gravei na exposição mostrando algumas peças e a explicação do próprio Nathan Sawaya que nos guiou pela exposição.

art-of-the-brick-studio

Acima uma mini réplica do estúdio de Nathan que hoje fica em Los Angeles. As peças são separadas por cores. Em um dos vídeos apresentados na exposição o artista deixa claro que não usa nenhuma peça especial de nenhuma cor especial. As peças que ele usa para criar suas obras são as mesmas que qualquer criança pode comprar nas lojas.

art-of-the-brick-yellow

Yellow é uma das mais celebradas obras do artista e de acordo com palavras do próprio, é uma escultura que representa uma pessoa se abrindo e deixando suas emoções aflorarem.

Foi construída utilizando mais de 11 mil peças, demorou 3 meses e foi uma das primeiras peças representando a figura humana. Hoje em diz ele diz que demora 1/4 do tempo para reproduzir este tipo de escultura.

art-of-the-brick-o-grito

Além das esculturas de criação própria, Nathan reproduz algumas das grandes obras pinturas e esculturas. Ele diz que desta forma traz este tipo de arte ao encontro de crianças.

Alguns quadros são apenas figuras pixalizadas, outros tem uma dimensão criada pelo artista. No caso da reprodução do quadro “O grito”, a figura salta da tela.

art-of-the-brick-sao-paulo

Uma das salas está repleta de figuras humanas e são realmente impressionantes. Ele diz que as esculturas humanas são as mais perfeitas para exprimir as emoções e sentimentos. O trabalho para chegar a formatos tão perfeitos requer além de prática, muito amor pela arte.

nathan-sawaya

Outra obra citada pelo artista é a “Grasp” que representa a parte da vida do artista que ele deixou de lado sua profissão como advogado e decidiu se dedicar a arte.

“É uma obra importante para mim, pois fala sobre minha história. Quando tentei libertar-me e dedicar minha vida à arte, muitas pessoas me disseram: ‘ Você está louco, está cometendo um grande erro, não pode fazer isso’. Tive de me afastar delas, e essa foi a inspiração para a criação de Grasp.”

objetos-lego

Além das figuras humanas há uma série de objetos e ideias passadas através das divertidas pecinhas.

Além destas das fotos, mostrei no meu vídeo o retrato de Pelé, ídolo do artista e uma homenagem ao Brasil e o enorme T-Rex, feito com mais de 80 mil pecinhas. É espetacular.

art-of-the-brick-blogueiros

Na foto acima, euzinha com o artista Nathan Sawaya, Márcio do blog Janela Laranja , Maria do Carmo do Fast Pass Viagens e colegas blogueiros de viagem.

oca-sao-paulo

E para quem não conhece São Paulo, esta outra obra de arte acima é a Oca, parte externa do museu que abriga a exposição.

Nem preciso dizer que a CNN estava certa quando disse que a visita era “obrigatória”. E exposição está maravilhosa e com certeza deixará adultos e crianças impressionados. Espero que os paulistas aproveitem e que os cariocas fiquem na expectativa da visitação.

 

Informações:

The Art of Brick – Nathan Samaya
De 11 de agosto a 30 de outubro de 2016 (depois segue para o Rio de Janeiro, no Museu Histórico Nacional onde permanecerá entre 11 de novembro e 15 de janeiro de 2017)
OCA – Parque do Ibirapuera – Av. Pedro Álvares Cabral, Portão 3
De terça a domingo das 11h às 20h (Fechado às segundas)
Ingressos : R$ 20 | R$ 10 (meia-entrada) – Ingressos AQUI

 

Você também pode gostar...

Nenhum comentário

    Comente aqui

    Translate »